Poemas...



Elegia

(Acissej 28/04/09)

A dor de repente
A lágrima transparente
A mórbida paixão
A traidora ilusão
O punhal mutilando
Meu coração sangrando
Um arco-íris sem cor

Minha vida sem amor
Uma canção melancólica
A salvação ilusória
A esperança de viver
O desejo de morrer
A vida que se vai
Mais um corpo que cai
Tudo contado numa poesia
O sonho de te ter um dia.

2 comentários:

Rebeca Laureano disse...

amei parece que este poema foi feito pra mim adoro coisas assim é como gotas de sanque caem na branca neve. como as gotas d´ aqua da chuva caem no chão

Rebeca Laureano disse...

A escuridão

numa noite escura
te vejo ardendo em chamas
olho em seu olhar, ele é profundo.
me toma or completo, levando minha alma convosco como uma serva, suas asas me cobrem com a luz mais bela
que já tinha visto
como o luar sombrio, é as estrelas a brilhar. Um beijo seu que me envenena por completo
que me faz flutuar.
Ao seu lado sigo, com angustia é dor

 
© 2008 *By Templates para Você*