Mas afinal, quem são os góticos?







Conseguimos achar um gótico nas ruas seguindo o esteriótipo, mas é válido lembrar que isso não significa nada, pois ser um gótico de verdade está na mente dele e não em sua forma de vestir. As roupas nem sempre indicam um verdadeiro gótico, pois existem muitos poser* que se intitulam da cultura apenas pelo que vestem, muitas vezes influenciados por filmes, novelas, livros e RPGs. Procure em um gótico, algum sinal de escuridão, melancolia e sofrimento em sua alma, esse realmente é um.
Os góticos têm uma tendência de humor perverso, negro e muitas vezes, sarcástico, sendo que, dificilmente se entenderão com alguma outra sub-cultura, ou mesmo com a sociedade em geral. Ser gótico é, como viver em uma tribo, um grupo de pessoas com interesses e gostos iguais. Os góticos tentam sempre a manter fora de seu grupo os posers, e demais que se intitulam pertencer ao grupo sem ter a verdadeira alma gótica. Para quem realmente pertence, conviver com eles é muito bom, pois, é um lugar cheio de paciência e entusiasmo para agüentar as pessoas que tentam descobrir o que os góticos querem.
Ao contrário das diversas tribos que existem nos grandes centros urbanos, como os punks, os rappers, os skinheads, os hippies, os góticos se diferenciam em diversos aspectos, mas há um que devemos dar toda a importância: um gótico não se torna gótico apenas por querer, ele já nasce com sua alma atormentada e se descobre gótico com o tempo, descobrindo a arte, a música, a literatura e a história, e se sentindo bem com ela. As tribos restantes não, essas bastam seguir algum de seus princípios e se comportar como eles que você já faz parte.
Em suma, ser gótico é abolir todos os preconceitos dessa sociedade que intitula moderna como racismo e opção sexual, ter uma alma extremamente sensível e melancólica, tendo tendência depressiva, buscar na morte uma salvação para esse mundo decadente e sem solução, ser pessimista, adorar a arte gótica, entre elas, a literatura, a música, as pinturas, as esculturas, etc e viver de luto a essa sociedade caótica, através de suas vestes pretas.

*poser ¿ pessoas modistas que se vestem de uma maneira diferente a fim de chamar a atenção dos outros ou pretendem ser algo que ela não são.



MITOS SOBRE OS GÓTICOS:

Os góticos são diferentes do restante da sociedade e
não há quem discorde disso. O mundo está acostumado a
condenar quem não é de acordo as regras e tradições
impostas, fato lamentável. Conseqüentemente, uma série
de suposições foi feita e se criaram vários
estereótipos.

Desmistificando... Os góticos:
- Não são satânicos
- Não são perigosos ou violentos
- Não são obcecados por assassinar
- Nem todos são drogados
- Só uma minoria é gay 

(e mesmo se forem a escolha e de cada um)
- Não são suicidas
- Não são sadomasoquistas
- Nem todos se vestem de preto
- Nem todos usam maquiagem
- Nem todos usam tatuagens ou piercings
- Nem todos escutam somente música obscura
- Não formam uma sub-cultura baseada na música (apesar
de que isso é parte indispensável na vida de qualquer
gótico)
- Trabalham, pagam impostos, não são vadios, têm
carros e casas, e são tão produtivos como a maioria da
população.
- A maioria tem tendência artística, porém, nem todos
são músicos compondo música obscura, pintores
pretensiosos, e escritores malucos. Alguns fazem essas
coisas, mas geralmente escrevem novelas, ensaios
humorísticos, cozinham, exculpem, fotografam, dançam,
fazem jogos, enfim, envolvem-se em outras atividades
artísticas.

E um outro ponto fundamental é que a pessoa não se
transforma em gótico, e sim, ela nasce com essa alma
obscura, e se encontra ao longo do tempo de sua vida,
identificando-se com as músicas, imagens, lugares, e
pessoas.







1 comentários:

Estela Queiroz disse...

Nossa, muito obrigada.
Eu simplesmente nunca acreditei nessas pessoas que dizem que os Góticos são satanistas, bebem sangue, blá blá blá. Se a pessoa é gótica não quer dizer que tem que ser satanista. Se a pessoa é gótica não significa que tem que se vestir de preto, escutar aquelas músicas bem pesadas. Ser gótico não é exatamente isso.
Muito obrigada por esclarecer tudo isso, e isso serve para que os mimizentos, "Crentes", parem de ficar julgando os góticos.

 
© 2008 *By Templates para Você*